Horizonte, educação e comunicação
 
 
ONLINE

A cidade dos rios invisíveis

Livro trata sobre os esquecidos rios paulistanos que viraram avenidas ou estão em estado crítico de conservação

foto:

Ao andar pelas cidades estamos acostumados com aquela infinidade de concreto, que se estende além do que os olhos podem ver. Mas já parou para pensar o que existia por ali, a principio?  Quem anda por São Paulo, por exemplo, comenta sempre sobre a falta de natureza da cidade, mas se esquece que, bem abaixo dos pés, passam rios que foram tão importantes para a nossa história.

O livro “A cidade dos Rios Invisíveis”, de Solange Sanchéz narra, através de várias épocas, a história dos rios, córregos e nascentes da cidade de São Paulo, nos convidando a participar de uma viagem no tempo e uma aula de história.

A autora nos leva às monções, que desciam o Tamanduateí, até chegar ao Tietê e ir rumo ao desconhecido sertão, em busca de ouro e outras riquezas. Participamos também de uma partida de futebol de várzea , até chegar a nossa triste realidade, de rios poluídos, que servem de lixo e que castigam os que moram às suas margens, em dias de chuva forte.

O livro, ilustrado por Félix Reiners, já está disponível em livrarias.

Destaques Horizonte:
A outra face do rio
Rio Paranapanema da nascente à foz
Rio Tapajós - A transamazônica fluvial

Publicado em 13/12/2016


 
 
 
 
 
Loading


Anuncie Edição do Mês
Anuncie
 
 
 
 
     
 
© 2017 Horizonte, educação e comunicação. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo