Horizonte, educação e comunicação
 
 
ONLINE

Curitiba terá primeira ciclovia brasileira que gera energia

Em parceria com a indústria japonesa, as novas ciclovias da capital do Paraná produzirão energia solar e coletarão dados de tráfego

foto: Cesar Brustolim/Secretaria Municipal da Comunicação Social
O projeto deve ser concluído em 2017 e é uma parceria entre os governos brasileiro e japonês (Imagem: Cesar Brustolim/Secretaria Municipal da Comunicação Social)

A cada iniciativa Curitiba torna-se ainda mais uma cidade sustentável. Na última semana um grande reforço foi assinado entre a Prefeitura, o governo japonês – por meio da Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA) – e a empresa Soundpower Corporation. A cidade receberá uma ciclovia com piso gerador de energia.

A ideia vem de uma obra bem semelhante na Coréia do Sul, porém, na capital paranaense, a tecnologia da pista é ainda maior. Além de captar 100% dos raios solares que incidem sobre o piso, as vias serão equipadas com sensores que calcularão a frequência de usuários no local e ainda auxiliarão na dinâmica do trânsito local, através de sinais para semáforos de cruzamentos e grandes vias.

O Departamento de Iluminação da Secretaria Municipal de Obras Públicas também participa da ação. A entidade já desenvolve um projeto para iluminar trechos de ciclovias no município, garantindo a segurança dos usuários a qualquer hora. “O produto desenvolvido vem a suprir necessidade da cidade em proporcionar ciclovias e ciclofaixas com mais segurança para pedestres e ciclistas”, conta Ryuichi Nasu, diretor da Jica no Brasil.

Os primeiros quilômetros da nova ciclovia devem estar prontos para uso apenas em 2017, mas os trabalhos já se iniciaram, tanto para a empresa japonesa, quanto para a prefeitura. “Essa cooperação vai possibilitar que Curitiba continue inovando. O projeto traz tecnologia de ponta à cidade, com o uso de energia alternativa e desenvolvimento sustentável, que resultará em mais segurança para a população de Curitiba”, afirmou o secretário municipal de Obras Públicas, Sergio Antoniasse.

Destaques Horizonte:
É hora de pedalar 
Os ciclistas da selva urbana: as cidades estão preparadas para recebê-los?
Bogotá, uma cidade que pedala: medida ecológica fez poluição diminuir drasticamente  

Publicado em 04/07/2016


 
 
 
 
 
Loading


Anuncie Edição do Mês
Anuncie
 
 
 
 
     
 
© 2017 Horizonte, educação e comunicação. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo