Horizonte, educação e comunicação
 
 
ONLINE

Reciclagem de alumínio auxilia no combate à poluição

Latas de alumínio recicladas podem diminuir até 70% na emissão de CO2

foto: Davilym Dourado/Horizonte
Estima-se que 800 mil brasileiros trabalham no setor de coleta seletiva e direcionamento de resíduos recicláveis (Imagem: Davilym Dourado/Horizonte)

A reciclagem de latinhas de alumínio já é um hábito nacional. Só no ano de 2014, 98,4% das latas colocadas no mercado foram recolhidas e recicladas. Mas sabia que, além de gerar uma renda extra, a reciclagem de latinhas faz um imenso bem para o meio ambiente?

Segundo um estudo, conduzido pelo Centro de Tecnologia de Embalagem, a reciclagem da lata de alumínio para obtenção de uma nova embalagem pode proporcionar uma redução de até 70% nas emissões de gás carbônico necessárias para a fabricação dos produtos e 71% de redução no consumo de energia, em comparação à lata fabricada apenas com alumínio primário.

“No caso de 50% de metal reciclado e 50% de metal virgem, haveria uma redução de 35% em relação às emissões de CO2 quando comparado com o primeiro cenário (apenas metal primário), haveria um consumo de energia elétrica 36% menor, um consumo de água 33% menor, um consumo de bauxita (ou seja, a necessidade de retirada de minerais ou minérios) de menos 47% e 36% de redução na pegada de carbono. Já no cenário com 98% de metal reciclado, que é o que acontece hoje no Brasil, nós temos 70% de redução em relação às emissões de CO2, uma redução de 71% no consumo de energia elétrica, 65% de redução no consumo de água e 93% de redução no consumo de bauxita, resultando em 71% de redução do CO2 equivalente, ou seja, da pegada de carbono. Então isso mostra que as emissões atmosféricas são muito menores, bem como a redução na pegada de carbono”, conta Luiz Alberto Lopes, engenheiro metalurgista e integrante do Comitê de Reciclagem da Abal (Associação Brasileira do Alumínio).

Em média, segundo a Abralatas (Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclagem), uma lata de alumínio demora trinta dias para ser destinada a venda, consumida, encaminhada a coleta, reciclada e ser preenchida com um novo produto. Com isso torna-se uma embalagem barata e amiga do meio ambiente.

Para colaborar com este processo, basta descartar a sua latinha da forma correta, ou então encaminhá-la para sucateiros ou cooperativas, que ainda lhe renderão algum dinheiro.

Destaques Horizonte:
Brasil é líder em reciclagem de latinhas de alumínio 
Exposição RECICLARTE: essa gente recicla com arte
Apenas 18% das cidades brasileiras realizam coleta seletiva 

Publicado em 21/06/2016


 
 
 
 
 
Loading


Anuncie Edição do Mês
Anuncie
 
 
 
 
     
 
© 2017 Horizonte, educação e comunicação. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo